quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Fardamento do Vitalino Comedoria homenageia Luiz Gonzaga, o Rei do Baião



Cada detalhe do Vitalino Comedoria foi minuciosamente pensado. A atmosfera regional que está na decoração aparece também no fardamento da equipe. Os empresários Cem e Ivone Wu foram buscar no talento do designer pernambucano Guilherme Luigi estampas diferenciadas e exclusivas para compor o look dos uniformes do Restaurante.

O olhar mais atento vai perceber que os lenços e as saias que compõem o fardamento exibem estampas geométricas criadas por Luigi no trabalho intitulado Estamparia Gonzaguiana. Inspirado nas músicas e na paisagem sertaneja do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, o designer criou 12 estampas com referências ao universo de Gonzaga, em homenagem pelo seu centenário. Para o Vitalino Comedoria, as estampas escolhidas foram Balão Multicor e Luar do Sertão. O Balão Multicor é uma estampa geométrica inspirada na música Olha pro céu meu amor. “A forma geométrica provoca um efeito óptico que faz os objetos se multiplicarem e ora se vêem, ora não se vêem, como sugere a canção com os balões”, explica Luigi.

Outra estampa que está no uniforme da equipe do Restaurante foi a Luar do Sertão, em referência à música de mesmo nome cantada por Luiz Gonzaga. O designer explica a concepção da estampa: “da aplicação clássica de estrelas inscritas em hexágonos nos gibões de Gonzaga, foi composta essa estampa geométrica. Roubando as estrelas lá do céu, como predizia a emblemática letra. Apresenta também losangos e triângulos em efeito caleidoscópico”.

Já o estilista responsável pela concepção do fardamento foi Mateus Barros. Ele incorporou as estampas criadas por Luigi e deixou o fardamento do Vitalino Comedoria repleto da identidade cultural do Nordeste.

Sobre Guilherme Luigi

Guilherme Luigi é designer gráfico formado pela UFPE e com mestrado em design de produto pela ELISAVA em Barcelona. Desenvolve projetos na área design de superfície, tipografia, arquitetura e patrimônio como o Dingbat Cobogó, Dingbat Ladrilho e as Estampas Gonzaguianas. Possui projetos premiados como a identidade visual do Centro de Artesanato de Pernambuco que recebeu destaque na bienal da ADG de 2013 e participações em mostras no Brasil (10º Bienal da ADG, Cidade Gráfica) e na Europa (FAD Expo, EL millor disseny de l'any). Atualmente, trabalha focado na pesquisa da paisagem gráfica das cidades brasileiras e com e prestação de serviço voltado à cadeia produtiva da cultura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário