sexta-feira, 21 de julho de 2017

Lançamento programação Aldeia do Velho Chico


CDL credencia imprensa para cobertura do 3º Moda e Negócios



A CDL de Santa Cruz do Capibaribe, através da Câmara Setorial dos Representantes Comerciais da Confecção, comunica a toda imprensa falada e escrita da cidade e região que queira cobrir a 3ª Edição da Rodada de Negócios (Moda e Negócios), que devem fazer o seu credenciamento junto a CDL, até a próxima terça-feira (25), no horário das 8 às 18 horas.

O evento Moda e Negócios começa na próxima quarta-feira (26), sendo a abertura oficial às 9 horas da manhã, no Rota do Mar Club. A abertura é para autoridades e convidados do evento, assim como toda a imprensa credenciada. Mais informações, ligar para a CDL (81) 3731-2850, falar com o assessor de comunicação, Betto Aragão.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

ICIA realiza o Julho Bordô para conscientizar a população






Pacientes oncológicos, funcionários e  voluntários participam, no mês de julho, da Campanha Nacional em apoio ao Combate à Mucosite Oral do Instituto do Câncer Infantil do Agreste – ICIA. A iniciativa, intitulada Julho Bordô, tem a proposta de conscientizar a população sobre os benefícios da laserterapia na prevenção e tratamento da complicação bucal causada pela quimioterapia e radioterapia e ainda orientar os cirurgiões-dentistas para o cuidado em saúde bucal nos pacientes em tratamento do câncer.

De acordo com a cirurgiã-dentista do ICIA, Sarah Rachel, a mucosite oral é uma inflamação da mucosa que reveste a cavidade bucal, ocasionada pelos efeitos nocivos da radio e quimioterapia. “A mucosite oral é uma das complicações mais comuns relacionadas ao tratamento oncológico e pode ser muito debilitante ao paciente, causando um desconforto intenso, dor, dificuldade para engolir, comer, beber e falar, diminuindo a sua qualidade de vida”, destacou.

Sarah explicou que a inflamação ocorre em 90% dos pacientes em algum momento do tratamento quimio e radioterápico, por isso a necessidade de prevenção do problema. “A mucosite aumenta o risco de infecções locais e sistêmicas, pois leva à formação de feridas na boca, que se tornam porta de entrada para fungos e bactérias, podendo comprometer ainda mais a saúde do indivíduo. Precisamos alertar para a necessidade do cuidado com a saúde bucal logo após o diagnóstico do câncer”, disse.

A inflamação pode, inclusive, reduzir as chances de sucesso do tratamento caso ele precise ser interrompido. “Em alguns casos, a mucosite oral pode ser a responsável pela suspensão da terapia até que seja reestabelecida a cicatrização da mucosa oral e o tratamento de infecções associadas. A forma grave eleva o tempo de hospitalização, aumenta a exposição às infecções oportunistas e gera maiores custos hospitalares”, acrescentou.

Assessoria de Comunicação

terça-feira, 18 de julho de 2017

Ypiranga realizará avaliações para as categorias Sub-15 e 17


Com o objetivo de iniciar um trabalho organizado e fortalecer as categorias de base do clube, o Ypiranga vai realizar nos próximos dias 22 e 23 de julho, avaliações para as categorias Sub-15 e 17, para as disputas dos Campeonatos Pernambucano das respectivas categorias.

As disputas dos torneios deverão ser realizadas a partir de outubro (Sub-17) e novembro (Sub-15). As avaliações dos atletas serão realizadas no Estádio Otávio Limeira Alves em Santa Cruz do Capibaribe.

Os interessados em participar ou mesmo tirar dúvidas, podem ser dirigirem até a sede do clube na Rua José Francisco Barbosa, bairro Novo, ou entrar em contato com diretor de Futebol Amador, Ricardo Gomes, pelo (81) 9.9207-5988.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social realiza IX Conferência Municipal de Assistência Social


Após a realização de pré-conferências na zona rural e sede do município, a Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social e o Conselho Municipal da Assistência Social de Santa Cruz do Capibaribe, iniciaram nesta quarta-feira (12), no Centro de Convivência de Idosos (CCI), a IX Conferência Municipal da Assistência Social. O Encontro foi realizado em dois dias (12 e 13), teve a temática: “Garantia de direitos no fortalecimento do SUAS”.

O objetivo da reunião foi discutir as metas do SUAS (Sistema Único de Assistência Social) para os próximos anos. A abertura contou com a presença de autoridades, apresentações culturais do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, realização do Hino Nacional com interprete de Libras (Língua de Sinais) e leitura do regimento da conferência.

Ao se pronunciar, a secretária de governo e desenvolvimento social, Alessandra Vieira, falou dos desafios que envolvem políticas públicas de assistência social. “Sabemos das dificuldades que enfrentamos e que muito temos a conquistar. Mas também sabemos dos avanços que conseguimos na política de assistência social de nossa cidade. Afirmo e reafirmo que é pela continuação do trabalho sério é que nosso município vai superar os desafios, creio que estamos contribuindo na construção de uma sociedade justa, onde os direitos sociais serão garantidos e respeitados”, destacou a secretária.

"Temos um vasto número de pessoas atendidas pelo nosso governo, nos diversos programas da Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social, porém é preciso avançar mais, para isso, devemos nos unir na construção de uma Santa Cruz do Capibaribe forte, com voz ativa em políticas públicas direcionadas à assistência social”, destacou o prefeito Edson Vieira.

Flávio Júnior, presidente do Conselho Municipal de Assistência Social contou sobre a finalidade da conferência. “Nosso intuito é ouvir dos usuários, das instituições, das entidades e da população em geral e juntos elaborarmos propostas para consolidarmos o SUAS no município, garantindo direitos à população de Santa Cruz do Capibaribe”.

A costureira Dalva Maria da Silva, falou da importância da participação efetiva da população da Conferência Municipal de Assistência Social. “E uma excelente oportunidade pois dá o direito de falarmos de nossas necessidades e do lugar onde vivemos, coisas que são para o nosso bem”, disse.

A conferência foi dívida em quatro eixos e debateu os seguintes temas: 1 - A proteção social não contributiva e o princípio da equidade com paradigma na gestão dos direitos socioassistenciais. 2 – Gestão democrática e controle social: O lugar da sociedade civil no SUAS. 3 – Acesso as seguranças socioassistenciais e articulação entre serviços, benefícios e transferências de renda como garantia de direitos socioassistenciais. 4 – Legislação como instrumento de uma gestão de compromisso e corresponsabilidade dos entes federativos para garantia de direitos socioassistenciais.

Beneficiários do Bolsa Universitária devem fazer recadastramento de 17 a 21 de julho


A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, por meio da Coordenadoria de Juventude, junto com a Comissão de Acompanhamento, está disponibilizando o edital de recadastramento do programa municipal Bolsa Universitária para o segundo semestre.

É necessário que todos os estudantes beneficiários do programa façam o recadastramento para a atualização dos dados, obedecendo o prazo que vai do dia 17 a 21 de julho. O resultado será divulgado no dia 25 de julho e o prazo para recorrer é de cinco dias úteis após esta publicação. Já o resultado final será divulgado no dia 3 de agosto, após avaliados os recursos.

O recadastramento poderá ser feito na Casa das Juventudes, localizada na Rua São Paulo, 711, Bairro Cruz Alta, de 8 horas a meio-dia. O estudante deve levar comprovante de matrícula, cópias da Identidade, CPF e Comprovante de Residência. Em caso de mudança em relação ao cadastro anterior (novo emprego, renda per capita familiar, endereço, etc.) deve ser apresentada a documentação correspondente.

O edital está disponível na Casa das Juventudes e no link: http://bit.ly/2tMMxQH.

David Helry reassume o Ypiranga após oito meses de licença


O presidente eleito pelo Ypiranga em fevereiro de 2016, David Helry, reassumiu o cargo de gestor do clube após oito meses de licença. Em dezembro do ano passado, ele solicitou o afastamento da direção do clube por tempo indeterminado e com a decisão, José Nerivaldo que na época era vice-presidente, assumiu o comando clube, porém teve que renunciar ao cargo em maio deste ano.

Devido à situação do clube que se encontrava sem gestor, David Helry decidiu retornar a presidência e ao lado do grupo de torcedores, organizado por uma comissão e intitulado “Unidos pelo Ypiranga”, formarão uma nova diretoria com os objetivos de buscar melhorias e ressurgir a instituição. Um planejamento e nomes que farão parte da nova gestão já estão sendo trabalhados e na próxima semana, deverão ser revelados durante uma coletiva de imprensa.

Empresário santa-cruzense está mais cauteloso na concessão de crédito


Os dados do SPC Brasil revelam que os lojistas de Santa Cruz do Capibaribe estão mais cautelosos na hora da concessão de crédito. Em análise aos dados de consultas do mês de junho, a CDL da cidade constata um elevado percentual em 85%, em consultas em junho de 2017 em relação a junho de 2016.

Os dados analisados revelam que houve um aumento de clientes na cidade, no entanto, esses dados não podem ser revertidos em vendas, pois a consulta em si não revela a efetivação da venda. No entanto, é possível vislumbrar um cuidado maior, por parte do empresário, quando o assunto é vender a prazo ou no cheque.

Para o presidente da CDL, Valdir Oliveira, a concessão de crédito é um assunto que tem sido bastante discutido entre os empresários da cidade, sobretudo, pelo aumento da inadimplência. “Com o avanço da crise os cuidados devem ser redobrados e o SPC é uma ferramenta poderosa quando a questão é a concessão de crédito. Isso, nós temos observado o aumento de consultas por parte do empresariado, pois esse cuidado ajuda a reduzir a inadimplência e, por consequência, o nosso comércio tende a se desenvolver melhor”, explicou.

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Edson Vieira realiza prestação de contas do São João da Moda 2017


O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe Edson Vieira (PSDB), realizou, na manhã desta terça-feira (11), prestação de contas do São João da Moda 2017. Na pauta, apresentações dos números de investimentos na festa, relatos de artísticas, capacitações de recursos, dados da segurança e comunicação nos 30 dias de festa.

“Chegamos nessa edição do São João da Moda com índices de violência quase que zero, aquecemos a economia local, observamos isso através do aumento de vendas nas butiques da cidade, hotéis lotados e vendedores faturando alto, outro ponto que enfatizamos é que injetamos mais 12 milhões no mercado, com o pagamento da primeira parcela do décimo terceiro dos funcionários públicos municipais. Conseguimos também massificar a marca São João da Moda no estado e em toda região. Podemos dizer, sem medo de errar que fizemos uma festa para a família santa-cruzense”, disse o prefeito Edson Vieira.

Claudio Soares, gestor de turismo e lazer, falou da grandeza do projeto, São João da Moda. “Este é um projeto que envolve vários departamentos do poder público municipal. Um evento que hoje é um patrimônio cultural da cidade, que envolve toda população e neste sentido, observamos a alegria estampada no rosto das pessoas e a emoção dos artistas ao participarem deste grande evento”, disse o gestor.

“Agradecemos a todos colegas de imprensa que trabalharam arduamente para transmitir o São João da Moda 2017, através de seu veículo de comunicação. Acredito que o resultado positivo do evento tem uma grande parcela de contribuição da imprensa santa-cruzense”, contou Geraldo Moura, secretário executivo de comunicação.

O secretário de defesa social, Tenente Coronel Sena, disse que o São João da Moda 2017 foi de total tranquilidade. “Não tivemos nenhuma ocorrência policial de natureza grave e nem lesão corporal grave, só ocorrências leves. Graças ao planejamento que fizemos e ao trabalho em conjunto com as Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e segurança particular, tivemos sim um São João de paz”, frisou o secretário.

Números do São João da Moda 2017:

  • Apresentações Artísticas:
  • Local: 215 (82%)
  • Regional e Nacional: 47 (18%)
  • Total: 262.

Comunicação:
  • Mais de 60 profissionais credenciados,
  • Mais de 240 horas de transmissão ao vivo nas rádios,
  • Mais de 80 pautas enviadas (matérias, notas e colunas),
  • Mais de 500 mil visualizações nas redes sociais do evento,
  • 07 emissoras de rádio cobrindo o evento,
  • 12 blogs trabalhando no São João da Moda,
  • 03 emissoras de TV falando sobre o São João da Moda,
  • 03 Jornais impressos e uma revista gerando conteúdo do evento,
  • 4 milhões de telespectadores, em 104 cidades na transmissão ao vivo da TV Jornal no show de Bell Marques.

Segurança:

Ocorrências:
  • Três pessoas foram conduzidas a Delegacia de Polícia Civil, duas por tráfico de drogas e uma foragida da polícia,
  • Nenhum registro de ocorrência de natureza grave nos dias de festa.

Equipamentos:
  • 02 viaturas,
  • 03 Motocicletas,
  • 20 câmeras de monitoramento no eixo do evento, monitoras a partir do CIMOP,
  • 40 mil reais pagos em diárias a Guardas Municipais,
  • 130 refeições servidas por dia.

Investimentos em contratações:
  • Artistas: R$ 1.385.000,00 (Um milhão, trezentos e oitenta e cinco mil reais)
  • Estrutura Metálica: R$ 380.420,00 (trezentos e oitenta mil, quatrocentos e vinte reais),
  • Estrutura sonora, elétrica, decoração e pessoal: R$ 585.160,32 (Quinhentos e oitenta e cinco mil, cento e sessenta reais e trinta e dois centavos),

Recursos Captados:
  • Patrocínio: R$ 307.500,00 (trezentos e sete mil e quinhentos reais),
  • Comercialização: R$ 216.298,30 (Duzentos e dezesseis mil, duzentos e noventa e oito reais e trinta centavos),
  • Tributos e taxas: R$ 31.169,60 (trinta e um mil, cento e sessenta e nove reais e sessenta centavos).

terça-feira, 11 de julho de 2017

Projeto Brincando nas Férias acontece no Sesc Caruaru



De 10 a 14 de julho, a colônia de férias oferece programação para crianças de 5 a 12 anos
Julho é o período ideal para a criançada desenvolver práticas criativas, dinâmicas e lúdicas para aproveitar da melhor maneira o recesso escolar. Por este motivo, neste mês, o Serviço Social do Comércio (Sesc) em Pernambuco promove o Brincando nas Férias com uma vasta programação em todo o Estado que contempla atividades esportivas, recreativas e artísticas.

O Brincando nas Férias vai trabalhar com o tema “Do Litoral ao Sertão, Pernambuco é pura diversão”, formando um ambiente de construção do conhecimento onde a fantasia, a criação e o imaginário encontram conteúdos educacionais utilizando as atividades de recreação e esportes, para que todos apreendam brincando. “Todas as unidades criaram uma programação que vai aliar a brincadeira com o aprendizado e que foca no envolvimento completo, que inclui saúde, cultura e esportes”, explica a coordenadora de Lazer e Recreação do Sesc em Pernambuco, Jeane Karla de Souza. As atividades incluem, dependendo da unidade, oficinas de artes, contação de histórias, cinema, gincanas, além de brincadeiras que farão a alegria da garotada.
 
Em Caruaru, crianças de 5 a 12 anos estão inscritas para participar da programação que será realizada no salão de festas da unidade, das 8h às 17h. Na capital do agreste, todas as vagas já foram preenchidas. Em Belo Jardim, as inscrições são para aqueles que têm entre 4 e 10 anos, no valor de R$ 45 para comerciários e dependentes e de R$ 90 para o público em geral. As atividades acontecem na área de lazer, das 9h às 16h. Já em Surubim, as vagas são destinadas para crianças de 5 a 10 anos. O acesso para comerciários e dependentes custa R$ 60 e para o público geral R$ 120. Em Arcoverde, vão poder ser inscritos os que possuem entre 5 e 10 anos. O valor para comerciários e dependentes é de R$ 70 e R$ 140 para o público em geral.

Confira a programação no Agreste e no Sertão:

Sesc Caruaru
Faixa etária: 5 a 12 anos
Horário: 8h às 17h

Sesc Ler Surubim
Faixa etária: 5 a 10 anos
Horário: 8h às 16h
Valor: R$ 60 (comerciários e dependentes) / R$ 120 (público em geral)

Sesc Ler Belo Jardim
Faixa etária: 4 a 10 anos
Horário: 9h às 16h
Valor: R$ 45 (comerciários e dependentes) / R$ 90 (público em geral)

Sesc Arcoverde
Faixa etária: 5 a 10 anos
Horário: 14h às 18hValor: R$ 70 (comerciários e dependentes) / R$ 140 (público em geral)

sábado, 8 de julho de 2017

“É Notícia no Rádio” destaca a reta final para saque das contas inativas do FGTS, entre outros assuntos




A projeção da CEF que o total dos pagamentos vão atingir R$ 3,5 bilhões / Foto: Divulgação






Pautado sempre pela informação e prestação de serviço, o “É Notícia no Rádio” deste sábado (08), destacou entre outros assuntos, a reta final para saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Cerca de 2 mil agências da Caixa em todo o país abrirão hoje, das 9h às 15h, para atendimento exclusivo de trabalhadores com contrato de trabalho formal, regido pela CLT e, também, trabalhadores rurais, temporários, avulsos, safreiros e atletas profissionais beneficiados pelo fundo.

Na próxima segunda-feira (10), as agências abrirão com duas horas de antecedência. Nas regiões em que o banco abre às 9h, o atendimento começa às 8h e fecha uma hora mais tarde. Os funcionários vão solucionar dúvidas, acertar cadastros, emitir senha do Cartão Cidadão e fazer pagamentos. 

Com o início do pagamento das contas inativas de quem nasceu em dezembro, neste sábado, o programa entra em sua fase final, que termina no dia 31 deste mês. Mais de 2,5 milhões de trabalhadores têm direito ao saque. O valor total disponível ultrapassa R$ 3,5 bilhões e equivale a aproximadamente 8% do total disponível. 

ORIENTAÇÕES 

A Caixa lembra que os valores até R$ 1.500 podem ser sacados no autoatendimento, somente com a senha do Cartão Cidadão. Até R$ 3 mil, o saque pode ser feito com o Cartão Cidadão nos postos de autoatendimento, lotéricas e correspondentes do banco. Quanto aos valores acima disso, os saques só podem ser feitos nas agências. 

Para facilidade no atendimento, os trabalhadores devem sempre ter em mãos o documento de identificação e a Carteira de Trabalho, ou outro que comprove a rescisão do contrato. Para valores acima R$ 10 mil é obrigatória a apresentação desses documentos. 

O banco informa também que criou um serviço exclusivo em seu site para facilitar o atendimento ao trabalhador que tem direito ao pagamento de conta inativa. 

Na página, a pessoa pode saber se tem contas inativas, conforme contempladas pela Medida Provisória (MP) 763/16, que determina o pagamento, o valor a receber, a data do saque e os canais disponíveis para o pagamento. 

Outra opção é o Serviço de Atendimento ao Cliente pelo 0800 726 2017. Para fazer a consulta do saldo no 0800 ou no site, o trabalhador deve informar seu número de CPF ou PIS/Pasep. Nesses canais, o trabalhador pode, inclusive, indicar que deseja receber o crédito em uma de suas contas na Caixa. 

De acordo com a MP, tem direito ao saque o trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015. Ele pode sacar o saldo da conta vinculada, estando ou não fora do regime do FGTS, respeitado o calendário publicado pela Caixa. 

COMÉRCIO E SERVIÇOS DEVEM CONSUMIR ATÉ R$ 1,2 BILHÃO DE CONTAS INATIVAS 

Os trabalhadores com direito aos saques do último lote de retirada das contas inativas FGTS) devem utilizar até R$ 1,2 bilhão dos recursos no comércio e nos serviços. 

Esta estimativa foi feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) com base na projeção da CEF que o total dos pagamentos vão atingir R$ 3,5 bilhões. 

Uma pesquisa dessas entidades em 12 capitais, mostrou que 21% dos novos beneficiários pretendem usar o dinheiro na liquidação de dívidas em atraso, enquanto 20% planejam pagar pelo menos uma parte dos débitos vencidos. Entre os consultados, 21% declaram que vão utilizar o resgate para as despesas diárias e 22% vão guardar na poupança. Uma parcela bem menor, de 7%, pretende gastar com viagens. 

APLICAÇÕES ENTRE OS QUE JÁ SACARAM 

Entre os trabalhadores já contemplados nas fases anteriores, 38% planejam quitar dívidas atrasadas e 39% pretendem reservar o dinheiro para os gastos no dia a dia. Um total de 6% empregou o dinheiro na regularização de parte de dívidas em atraso; 12% optaram pela poupança e 7% anteciparam o pagamento de prestações de crediário, casa e carro. 

A pesquisa mostra ainda que mais da metade dos consumidores (54%) não têm direito aos saques e 10% desconhecem se têm este direito. 

O PROGRAMA 

Da esquerda pra direita: Jair Sergio, Josy Santos e Antonio Andrade
A 78° edição do programa pontuou ainda que o PT articula agenda de Lula no nordeste em agosto; a recomenda do MPPE para que Frei Miguelinho demita contratados e realize concurso; o recuo de 5,52% de energia elétrica causa maior impacto negativo no IPCA de junho; a Caixa só retomará linha da casa própria com recursos do FGTS em 2018; as previsões de chuvas fortes para as próximas 24 horas pela Apac; a redução do horário de atendimento na sede no Recife e em delegacias em PE anunciada Polícia Rodoviária Federal; o alerta do Procon sobre promessas de agências de modelos em Caruaru; a abertura de edital para portador de diploma pelo IFPE Campus Pesqueira; as expectativas em torno do lançamento do edital do concurso do TJPE no próximo dia 14; a programação do Festival de Inverno de Garanhuns. No campo esportivo, destaque para estreia de Giva no Santa Cruz e a confirmação do confronto entre Sport x Chapecoense na Arena de Pernambuco, além das dicas de Cinema. 

O “É Notícia no Rádio” vai ao ar, todos os sábados, das 7h às 8h da manhã pela rádio IGM 88.9. Além do blog “É Notícia”, os ouvintes podem enviar as suas sugestões de pautas pelo WhatsApp (81) 9.8907-5045. 

Por Antonio Carlos e Josy Santos / Foto: Yrandir Nascimento (IGM)

Com centenas de atrações, Festival de Inverno de Garanhuns anuncia programação





O Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) anunciou ontem (7), a programação da sua 27ª edição, que acontece de 20 a 29 deste mês. Homenageando o cantor Belchior, que faleceu em abril deste ano, a cidade do Agreste pernambucano vai receber centenas de apresentações, de linguagens da arte, como música, teatro, dança, circo, cinema, literatura, artesanato, cultura popular, design, moda, fotografia e artes visuais. São diversos polos, com atrações gratuitas espalhadas por todo o município. 

Principal polo do festival, o palco Mestre Dominguinhos recebe, na sexta-feira (21), o Tributo a Belchior, que conta com a participação de Ednardo (CE), Vanusa (SP), Lira (PE), Cida Moreira (SP), Tulipa Ruiz (SP), Isaar (PE), Fernando Catatau (CE), Juvenil Silva (PE), Renata Arruda (PB), Gabi da Pele Preta (PE). Antes deles, o palco receberá a cantora Amanda Back, às 20h, e também show com Geraldo Azevedo, às 22h30. O VJ Gabriel Furtado garantirá as imagens que ilustrarão todos os shows que acontecerão no palco Dominguinhos.

Artes visuais

As mostras de artes visuais, moda, design e fotografia do FIG acontecem, mais uma vez, na Casa Galeria Galpão, que recebe cinco destaques. Um deles é "Traços de um Rio", exposição de Artur Sgambatti sobre uma série de viagens realizadas em 2015 e 2016 pelo Rio Doce. "Construção da Desconstrução", de Daniel Araújo, traz oito obras inéditas, pintadas em óleo e acrílica sobre madeira e pedaços de concreto.

Artes cênicas

Nas artes cênicas, as mostras de teatro e dança acontecerão no Teatro Luiz Souto Dourado. Este ano, também acontece a II Mostra de Teatro na Galeria Galpão, cujos espetáculos começam sempre às 22h, após o término das atividades das artes visuais.

Os espetáculos de circo ocorrem desde a abertura, com a Mostra de Números Circenses, da qual participarão a Índia Morena - Patrimônio Vivo de Pernambuco, a Intervenção de Palhaço e Mala Moscovita: Cia Brincantes de Circo (PE), o Duo Palhabat: Jonathan Marinho e Alison Santos (PE), o Duo de Malabares: Jonathan Marinho e Eduardo Silva (PE), Os Vaudevillianos em Mambo Acrobático e Bicicleta Cômica: Trupe Vaudeville (SP), Trapézio Triplo e Lira: Escola Pernambucana de Circo (PE) e Aganjú: Coletivo Bartira (PE).

Literatura

Em homenagem ao centenário de Hermilo Borba Filho, a Praça da Palavra ganha o nome do escritor e dramaturgo. Haverá uma mesa sobre sua vida e obra, com a participação de Leda Alves. Outro destaque da programação é o lançamento do Livro O Rei do Baião, com Bené Fonteles e Paulo Vanderley, que faz parte da itinerância da 32º Bienal de São Paulo, que traz o tema Incerteza Viva.

Música

Na música, carro chefe do festival, os destaques são artistas como Baby do Brasil, Fafá de Belém, Tom Zé, Baiana System e a paraibana Lucy Alves. A abertura oficial do evento, na quinta-feira (20), ocorre a partir das 19h, no Teatro Luiz Souto Dourado, no Centro Cultural Alfredo Leite.

Edital do concurso do TJPE será lançado no próximo dia 14






Está previsto para o próximo dia 14 de julho o lançamento do edital do concurso público para provimento do cargo de servidor do Poder Judiciário do Estado de Pernambuco. Os detalhes do certame serão apresentados no dia 13 – a exato um mês do aniversário do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), que completa 195 anos em agosto – com a divulgação da programação do evento comemorativo.

Em reunião realizada no Palácio da Justiça, no Recife, na última quinta-feira (6), os presidentes do TJPE, desembargador Leopoldo Raposo, e do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), Alexandre Faraco, alinharam especificações sobre distribuição de vagas nos cargos de técnico, analista e oficial; conteúdo programático; estrutura dos exames; entre outros aspectos. A previsão é de que as provas sejam realizadas em outubro.

Os salários-base para os cargos são: Auxiliar judiciário: R$ 2.549,12; Técnico judiciário: R$ 4.222,45; Analista judiciário: R$ 5.502,12; Oficial de justiça: R$ 4.222,45. Soma-se a isso R$ 900,00 de auxílio-alimentação e R$ 193,60 de auxílio-transporte.

A realização do concurso é mais uma fase na busca por uma plena prestação de serviço à sociedade. “Justiça célere, direito do cidadão. Esse é o lema da atual gestão do Tribunal de Justiça de Pernambuco. Estamos investindo em equipe e infraestrutura, para atender o cidadão de forma digna”, declara o presidente Leopoldo Raposo.

IFPE Campus Pesqueira abre edital para portador de diploma









O Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) Campus Pesqueira, no Agreste de Pernambuco, lançou nesta sexta-feira (7) o novo edital para portadores de diploma que desejam participar dos cursos superiores. Na última seleção nenhuma candidato foi aprovado.

O novo edital oferta 18 vagas, distribuídas entre os cursos de licenciatura em matemática, licenciatura em física e bacharelado em enfermagem. A novidade é que estão sendo ofertadas também mais três vagas no novo curso de bacharelado em engenharia elétrica, que terá a primeira turma nesse segundo semestre letivo.

As inscrições começam nesta segunda-feira (10) e segue até o dia 13 de julho, entre os horários de 9h às 12h e 14h às 17h, no Campus Pesqueira, localizado na BR-232, km 208, bairro Prado. As aulas começam no dia 26 de julho.

Os interessados precisam apresentar diploma ou certificado de conclusão de curso superior em instituição de Ensino reconhecida pelo MEC ou revalidado no Brasil, original e cópia; histórico escolar e cópia; conteúdos programáticos dos componentes curriculares cursados originais e cópia; certidão de nascimento ou casamento, carteira de identidade e CPF originais acompanhados de cópias para conferência.

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Garanhuns vai sediar a 32ª edição da Bienal de São Paulo


Nesta edição, a cidade será a única do estado e a segunda do Nordeste a participar da itinerância de uma das maiores exposições do mundo, de julho a setembro



Já referência pela realização do Festival de Inverno, Garanhuns vai reforçar seu potencial cultural e de difusão da arte à sociedade com a mostra da 32ª Bienal de São Paulo – Itinerâncias. O recorte de um dos maiores eventos artísticos escolheu a cidade como a única de Pernambuco a receber obras de artistas nacionais e internacionais para explorar o tema “Incerteza Viva”, de 20 de julho a 22 de setembro, na Galeria de Artes Ronaldo White e no Centro de Produção de Cultural do Sesc.


A iniciativa, que será aberta ao público, também fará parte da programação da 27ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns, já presente no calendário da cidade. A vinda da 32ª Bienal de São Paulo, que em 2016 reuniu mais de 900 mil pessoas e 81 artistas, para o município é resultado de uma parceria da Fundação Bienal de São Paulo com o Departamento Nacional do Sesc. “Levar um recorte de Incerteza Viva para o interior do Estado é romper um modelo de gestão cultural que beneficia somente o público das grandes metrópoles. Essa parceria é um excepcional rumo à inclusão”, defende o gerente de Cultura do Sesc Pernambuco, José Manoel Sobrinho. Além de Garanhuns, outras cidades também estão recebendo recortes da mostra, Belo Horizonte (MG), Cuiabá (MT), Palmas (TO), Fortaleza (CE), Bogotá (Colombia) e Porto (Portugal).


A exposição foi construída especialmente para Garanhuns e conta novamente com a curadoria geral de Jochen Volz. Trazendo o título “Incerteza Viva”, vai reunir trabalhos de nove artistas nacionais e mundiais. Bárbara Wagner, Cristiano Lenhardt – que estará presente na abertura da mostra – Ebony G. Patterson, Gilvan Samico, Jonathas de Andrade, José Bento, Leon Hirszman, Rosa Barba e Wilma Martins serão os responsáveis por propor, por meio de seus trabalhos, o exercício de reflexão aos visitantes. Além do público que vai circular, o Sesc vai focar também no acesso de estudantes do município, disponibilizando possibilidade de agendamento para escolas pelo telefone: (87) 3761-2658.


Ações formativas – Em paralelo à exposição, Garanhuns vai sediar o Festival de Inverno de Garanhuns, reunindo atividades formativas, com intermédio de do artista plástico, escritor, poeta e compositor paraense Bené Fonteles. Ele trouxe a atividade “Conversas para Adiar o Fim do Mundo”, apresentando questões também locais para o diálogo com o público.

No dia 24 de julho, ele vai participar de conversa sobre o OcaTaperaTerreiro, projeto que desenvolveu e resultou na construção de uma oca e que desperta reflexões sobre a vida indígena no Brasil. A sexta-feira (25) terá atividades nos turnos da manhã, tarde e noite. A primeira será o lançamento do livro “O Rei do Baião”, que resgata a memória do ícone musical Luiz Gonzaga, e conversa sobre o ele com a participação de Bené, autor da obra, e do pesquisador Paulo Vanderley. À tarde, os dois, com o pesquisador convidado Antônio Vilela, vão comandar a conversa “Uma tarde para Dominguinhos”, considerando o legado do artista para o Brasil. À noite, haverá exibição do filme “Martírio”, seguida de conversa do público com o diretor, Vicent Carelli, e com a equipe produtora do vídeo, que retrata a luta das tribos indígenas Kaiowa e Guarani.

No sábado (26), Bené e Vicent reúnem no palco Raonny, da tribo Funiô, Guilherme Marinho, da Xucuru e Zé Carlos, da Castainho, para refletir sobre a vida dessa população e das comunidades quilombolas com o tema “Urgências e poéticas políticas na questão indígena”. Por fim, a programação do dia 27 vai trazer os cantadores e repentistas Bráulio Tavares, Adriel Luna e Rouxinol Pereira no painel “O que sobra e o que falta na poesia - poesia é tirar de onde não tem e botar onde não cabe.


32ª Bienal - Artistas e obras

Bárbara Wagner – Em parceria com Benjamin de Burca, a artista desconstrói o fenômeno do brega no filme “Estás vendo coisas” (2016). Mostra a música, dança, cena cultural e economia que extrapolam os limites dos bairros da periferia e participam da paisagem sonora de uma cidade em suas diferenças.

Cristiano Lenhardt – Ele constrói um “mundo bicho” em “Trair a espécie”(2014-2016), onde os seres deixam de ser alimentos e ganham corpo físico e transcendência.

Ebony G. Patterson – Os retratos são relacionados à cultura popular e ao contexto de violência de diversas comunidades em Kingoston, na Jamaica. Os painéis apresentados tentam traçar paralelos entre os contextos socioculturais do Brasil e da Jamaica.

Gilvan Samico – As peças presentes na Bienal têm como referência a literatura de cordel e o Movimento Armorial, sendo o encontro com o escritor Ariano Suassuna um importante ponto de inflexão.

Jonathas de Andrade – O filme O peixe (2016) acompanha pescadores pelas marés e pelos manguezais de Alagoas. Aborda temas como o universo do trabalho e do trabalhador, e a identidade do sujeito contemporâneo.

José Bento – A obra Do pó ao pó (2016) é composta de caixinhas de fósforos sobre estruturas de bancas de camelo com pés retráteis. Propõe refletir sobre a relação que há entre o tempo e a matéria que constitui inícios e fins.

Leon Horszman – A obra Cantos de trabalho é umatrilogia filmada entre 1974 e 1976, nas cidades de Chã Preta (AL), Itabuna (BA) e Feira de Santana (BA). Em cada uma delas foram registradas imagens dos trabalhadores rurais exercendo suas atividades.

Rosa Barba – O filme Disseminate and Hold (2016) estabelece um diálogo com a construção conhecida como “Minhocão”, elevado de concreto construído em São Paulo, durante a ditadura militar.

Wilma Martins – A série Cotidiano (1975-1984) consiste em vários estágios de desenhos e pinturas que já nasceu na tela. Já em Rio de Janeiro com cristais (1986), são retratadas as possibilidades de revelação da vegetação exuberante e às construções urbanas de lugares supostamente triviais.

Serviço - 32ª Bienal - Itinerâncias: Festival de Inverno de Garanhuns
Local: Galeria de Arte Ronaldo White e Centro de Produção Cultural do Sesc Garanhuns – Rua Manoel Clemente, 136, Centro
De 20 a 29 de julho - segunda a sábado, das 9h às 21h
De 31 de julho a 22 de setembro – segunda a sexta-feira, das 9h às 21h

Entrada gratuita

Programação – Ações formativas

Ocataperaterreiro na Bienal São Paulo

  • 24 de julho, das 16h às 19h, na Galeria Galpão do FIG
  • Lançamento do livro o Rei do Baião
  • 25 de julho, às 10h, na Praça da Palavra do FIG
  • Uma Tarde para Dominguinhos
  • 25 de julho, das 16h às 19h, na Galeria Galpão do FIG
  • Exibição do filme “Martírio” e debate com Vincent Carelli
  • 25 de julho, às 18h40, Cine Eldorado
  • Urgências e poéticas políticas na questão indígena
  • 26 de julho, das 16h às 19h, na Galeria Galpão do FIG
  • O que sobra e o que falta na poesia27 de julho, das 16h às 19h, na Galeria do Galpão do FIG

quinta-feira, 6 de julho de 2017

Novo prédio da ALEPE foi projetado para ser a casa de todos os pernambucanos



O Edifício Miguel Arraes de Alencar, na Rua da União, agora é o novo endereço do prédio que abriga o plenário do legislativo estadual. A estrutura é dotada de todos os recursos de sustentabilidade e acessibilidade para receber os pernambucanos. Um amplo espaço para a população que deseja acompanhar as sessões plenárias com 294 lugares, além de plenarinhos e auditório. O novo prédio também representa economia de recursos com corte de alugueis, já que abrigará a estrutura administrativa da Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Alerta CDL: Nome da CDL de Santa Cruz do Capibaribe está sendo usado indevidamente



A CDL de Santa Cruz do Capibaribe vem por meio desta nota alertar a todos os associados e comunidade em geral que tomou conhecimento por meio de matéria veiculada na Rádio Comunidade FM, do repórter Jota Lima, onde o mesmo entrevistou pessoas do Bairro Oscarzão, de modo que estas pessoas procuraram a delegacia de Santa Cruz do Capibaribe para prestar queixa sobre o fato de um homem pegar seus documentos, falando de parcerias com a CDL e abrindo empresas no nome dessas pessoas.

Na matéria veiculada, uma das denunciantes relata que assinou uns documentos na CDL. A CDL esclarece que oferta vários serviços em sua sede, dentre eles, o Certificado Digital, que pelo teor da matéria, onde trata de abertura de empresas, nos leva a entender que possa ter sido a emissão de certificado digital.

A CDL afirma que todas as suas parcerias são amplamente divulgadas em seu site, blog, fanpage, Twitter e imprensa local. Desta forma, a CDL de Santa Cruz do Capibaribe comunica a todos que, ninguém que não seja da diretoria da CDL tem autorização de falar em nome da entidade, seja qual for o assunto e que todas as medidas legais serão tomadas em caso de uso indevido do nome da CDL.

Lembrando que, em casos de serviços na CDL, todo procedimento com solicitação de documentos é feito pessoalmente na própria CDL. Para tanto, a CDL pede a todos que fiquem atentos, e que, em caso de alguém que não seja da diretoria tentar falar em nome da CDL querendo vender produtos, abrir firmas, ofertar serviços, desconfie, pois essa não é a prática da CDL de Santa Cruz do Capibaribe.