domingo, 30 de abril de 2017

Escritora Luciene Freire concede entrevista ao "É Notícia no Rádio"


Para Luciene, escrever não é um hobby, é uma paixão. Fotos: Antonio Carlos e Isac Moura / É Notícia no Rádio



Na semana em que é comemorado o Dia Internacional do Livro, o “É Notícia no Rádio” deste sábado, 29, não poderia deixar de destacar este pequeno objeto portátil e de tão grande valia para o conhecimento de quem assim o procura: o livro. Para tanto, o programa conversou com a mais recente escritora de Santa Cruz do Capibaribe, Maria Luciene Freire, autora do romance “No Limite do Amor”.

Residente na Capital da Confecção há 19 anos, a paraibana Luciene Freire, tinha um sonho: Se tornar um escritora. Com pouco estudo, Luciene pode ser perfeitamente considerada uma pessoa autodidata, mas prefere afirmar que Deus é o responsável por sua imaginação, pois de uma frase consegue escrever um livro em lugares nunca visitados pessoalmente. Durante anos de sucessivas tentativas de contatos com editoras brasileiras e não conseguir respostas favoráveis às suas produções literárias, a escritora pensou em desistir e queimar seus escritos. Até que um dia em uma simples pesquisa na internet, encontrou a editora Chiado de Portugal e enviou seus escritos por e-mail. Dez dias depois obteve a resposta de que seus escritos tinham sido aprovados.

Apesar de muitas pessoas não acreditarem em seu sonho, Luciene nunca deixou que as palavras negativas lhe atingissem e seguiu em busca de seus sonhos. Pela editora Chiado, irá lançar uma coleção intitulada “Lágrimas na Chuva” com sete livros, dos quais o primeiro foi “No limite do amor”, lançado em março deste ano. Os demais estão em construção, além dos oito livros infantis já aprovados pela comissão avaliadora da editora portuguesa. “Todos os meus livros passam pela comissão da editora para constatar o seu caráter literário e comercial, caso esses dois aspectos não sejam encontrados, a estória é reprovada”, explicou. 

A luta da escritora é a prova de que nunca se deve desistir dos sonhos por maior que sejam as dificuldades a vitória é sempre surpreendente, até mesmo para aqueles que não acreditavam ser possível. “Algumas pessoas chegam até a mim e dizem que estão maravilhadas com o livro. Outras afirmam que não gostavam de lê e foram despertadas pela leitura através do meu livro. Outras ainda relatam que o desejo de realizar seus sonhos estava adormecido, e depois de conhecerem a minha trajetória, sentiram-se despertadas para buscarem a realização de seus sonhos,” contou Luciene ao explicar a forma como tem recebido o reconhecimento pelo seu trabalho.

A escritora define sua mente como um “baú de letras”, sua imaginação fértil pra escrita há faz sonhar, voar alto a cada estória e poema escrito. O que ela não imaginava é que o seu livro abriria portas para outro gênero textual: a Poesia. Paralela a produção gráfica do livro, Luciene participou de um concurso de Poemas, também realizado pela Chiado exclusivamente com escritores brasileiros, e obteve a provação de seu poema. Essa nova composição literária será publicada no II Volume da Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea: “Além da Terra Além do Céu”, que reunirá mais de 700 autores antologiados. O lançamento da obra realizar-se-á no dia sete de Maio, no teatro Gazeta, em São Paulo, com várias posteriores apresentações entre as quais se destaca as da Bienal do Livro do Rio de Janeiro e Feira do Livro de Lisboa. “Enviei o poema sem nenhuma pretensão e no dia seguinte recebi a notícia de que o meu poema havia sido aceito”, pontou.

Esposa de seu Dedé, mãe de um casal de gêneos e dedicada ao lar atualmente, a paixão pela escrita rendeu a Luciene muita comida queimada e inúmeras noites acordada para registrar seus pensamentos, mas que segundo ela, valeram a pena cada momento, cada minuto dedicado até a concretização do seu sonho. “Quem escreve vai entender e compreender melhor que estou falando, mas quando a inspiração vem, a gente tem que escrevê-la. Esse é um processo que não tem hora marcada para acontecer, já houve momentos em que eu cheguei a passar cinco horas escrevendo direto sem perceber o mundo ao meu redor de tão focada que estava no desenvolvimento da estória”, relatou Luciene. Para conferir a entrevista na íntegra, basta clicar no play abaixo:

   
NO LIMITE DO AMOR

Ana Júlia é uma jovem cheia de sonhos, mas um dia ela experimenta uma decepção amorosa, um jovem a seduz e depois a abandona com muitas cicatrizes no coração. Mas ela foi corajosa, levantou a cabeça, ressuscitou seus sonhos e juntos partiram para um país distante. Lá conhece Miguel, um homem mais velho, rico e sedutor, que muda o rumo de sua história. Ela entrou no coração desse homem enlouquecendo-o de amor, encantando-o com sua beleza e juventude. Ele dizia que a amava perdidamente, mas mesmo assim ele a fazia sofrer quando a deixava para ir em busca de aventuras nos braços de outras mulheres. 

Mas um dia esse homem percebeu que tinha uma joia de grande valor em suas mãos e não percebeu o seu valor, o seu brilho, já que ela foi embora para bem longe. Ele não sabia seu paradeiro e foi nesse momento que ele se deu conta da imensidão do amor que sentia por ela. Uma história de amor, parecida com tantas outras, mas com um desenrolar e um final bem original. 

O livro “No Limite do Amor” pode ser encontrado nas livrarias Saraiva, Cultura, Amazon e Galileu; já em Santa Cruz do Capibaribe pode ser adquirida pelo contato (81) 9.9903- 2043.

PERFIL DO LEITOR BRASILEIRO 

Segundo pesquisa Retratos da Leitura, encomendada pelo Instituto Pró-Livro, cerca de 390 milhões de livros são vendidos no Brasil. Existe no país mais de seis mil bibliotecas públicas e mais de cinco mil projetos de incentivos a leitura, ainda assim, mais de 40% dos brasileiros lê menos de cinco livros por ano e desses apenas dois são lidos até o final e cerca de 30% da população nunca comprou um livro. A escritora comparou as informações sobre leitores do Brasil e Portugal e acredita ter sido esse um dos motivos pelo qual seu livro de romance não ter sido aceito pelas editoras brasileiras.

O PROGRAMA 

O “É Notícia no Rádio” destacou ainda que o valor da restituição do Imposto de Renda ficará à disposição do contribuinte na agência bancária indicada na declaração; que a delegação cubana vem ao Brasil para solucionar impasse do Mais Médicos; que a contas de luz continuam com bandeira vermelha em maio; que o MEC prorroga até 31 de maio prazo para renovação de contratos do Fies; que o Déficit público atinge pior resultado desde 2001; que as inscrições para a 2ª Rota do Mar Sunset Running encerram-se na próxima segunda-feira, dia 1°; além das dicas de Cinema e os preparativos para o confronto entre Sport e Santa Cruz e para a estréia da comédia “O ultimo virgem”, em Santa Cruz do Capibaribe.

O programa vai ao ar, todos os sábados, das 7h às 8h da manhã pela rádio IGM 88.9. Além do blog “É Notícia”, os ouvintes podem enviar as suas sugestões de pautas pelo WhatsApp (81) 9.8907-5045. 

Por Josy Santos e Antonio Carlos / Áudio: Jair Sérgio

Nenhum comentário:

Postar um comentário