quinta-feira, 2 de junho de 2016

Acic atinge meta da 1ª Etapa do Programa Empreender


O Programa Empreender já é uma realidade para os empresários locais. A Associação Comercial e Empresarial de Caruaru (Acic) aderiu ao programa com o objetivo de elevar a competitividade e a sobrevivência das empresas, principalmente as de pequeno porte. A Acic foi uma das três associações comerciais de Pernambuco a atingir a meta da primeira etapa do programa. Com isso, Caruaru já garantiu os recursos para a realização da segunda etapa.

Este resultado foi fruto das ações desenvolvidas com as câmaras setorias da Arquitetura e Urbanismo e Centro Moda 18 de Maio. A Câmara Setorial de Arquitetura e Urbanismo tem trabalhado várias ações, todas construídas pela metodologia do programa. Além disso, está confeccionando material publicitário para a divulgação das ações. O Centro Moda 18 de Maio promoveu visitas técnicas a alguns órgãos como o Armazém da Criatividade. Uma das iniciativas mais importantes desta câmara setorial foi a parceria com diversas instituições no programa Comando Presente, que deu novos ares ao Parque 18 de Maio e seu entorno. Todo esse trabalho das duas câmaras setoriais mostra o impacto positivo no fortalecimento dos segmentos, conseqüência do que foi executado a partir do Programa Empreender. Lançado em Caruaru em abril, a iniciativa foi desenvolvida pela Confederação das Associações Comerciais e Empresarias do Brasil (CACB), em parceria com a Federação das Associações Comerciais de Pernambuco (Facep) e o Sebrae. O público que esteve ao auditório da Acic pôde adquirir conhecimentos sobre associativismo, empreendedorismo e desenvolvimento da competitividade. Participaram a presidente da Facep, Jussara Pereira Barbosa e o reitor do Unifavip/DeVry, Marjony Camelo, instituição que apoia a iniciativa em Caruaru. O presidente da Acic, Osíris Lins Caldas, falou sobre a importância do associativismo para os setores da economia.

O programa incentiva a busca de novos mercados e tecnologias, sensibilizando os empresários a adotarem novas posturas para enfrentar os desafios e desenvolver lideranças empresariais. Durante 18 meses, as empresas participantes contarão com uma consultoria que vai mediar reuniões e por em prática atividades como cursos, capacitações e workshops que possibilitem o fortalecimento dos negócios de cada segmento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário