quinta-feira, 12 de maio de 2016

Estudo revela que brasileiro trabalha até cinco meses só para pagar impostos


O contribuinte brasileiro trabalha até o dia 31 de maio, somente para pagar os tributos (impostos, taxas e contribuições) exigidos pelos governos federal, estadual e municipal. A estimativa é do estudo sobre os dias trabalhados para pagar tributos, elaborado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT.

De acordo com o estudo, a tributação incidente sobre os rendimentos (salários, honorários, etc.) é formada principalmente pelo Imposto de Renda Pessoa Física, pela contribuição previdenciária (INSS, previdências oficiais) e pelas contribuições sindicais. Além disso, o cidadão paga a tributação sobre o consumo – já inclusa no preço dos produtos e serviços – (PIS, COFINS, ICMS, IPI, ISS, etc) e também a tributação sobre o patrimônio (IPTU, IPVA, ITCMD, ITBI, ITR). Arca ainda com outras tributações, como taxas (limpeza pública, coleta de lixo, emissão de documentos) e contribuições (iluminação pública,...).

A CDL Jovem de Santa Cruz do Capibaribe está preparando ação para o Dia da Liberdade de Impostos – DLI, a fim de demonstrar ao consumidor, na prática, quanto ele pagaria por um determinado produto, caso o mesmo não tivesse impostos sobre ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário