quarta-feira, 6 de abril de 2016

Palestras lançam o Programa Empreender em Caruaru


Com o objetivo de elevar a competitividade e a sobrevivência das empresas, principalmente as de pequeno porte, o Programa Empreender será lançado oficialmente em Caruaru, nesta quinta-feira (7), a partir das 18h30, no auditório da Acic. Palestras sobre o programa, associativismo e empreendedorismo e desenvolvimento da competitividade serão apresentadas ao público. As inscrições para o evento são gratuitas e devem ser realizadas através do link: http://goo.gl/forms/urrF00dDso.

A programação do evento conta com palestra do coordenador da Facep, Walmam Bezerra, que está à frente do programa. O tema será a metodologia e os benefícios do Empreender para as empresas participantes. O presidente da Acic, Osíris Lins Caldas, também fará palestra: ele irá dialogar com os inscritos sobre a importância do associativismo para os setores da economia. Encerrando o evento, o reitor do Unifavip DeVry, Marjony Camelo, orienta sobre empreendedorismo e desenvolvimento da competitividade.

A Acic aderiu ao Empreender para motivar e capacitar os associados. O Programa é desenvolvido pela Confederação das Associações Comerciais e Empresarias do Brasil (CACB), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e com a Federação das Associações Comerciais de Pernambuco (Facep). Em Caruaru, a iniciativa conta também com o apoio do Centro Universitário do Vale do Ipojuca (Unifavip DeVry).

Sobre o Empreender

O programa incentiva a busca de novos mercados e tecnologias, sensibilizando os empresários a adotarem novas posturas para enfrentar os desafios e desenvolver lideranças empresariais. Durante 18 meses, as empresas participantes contarão com uma consultoria que vai mediar reuniões e por em prática atividades como cursos, capacitações e workshops que possibilitem o fortalecimento dos negócios de cada segmento.

De acordo com a proposta apresentada pela Acic, estas são as melhorias e intervenções para o funcionamento e desenvolvimento das empresas: cadastrar as empresas de cada setor; reivindicar junto aos governos estadual e municipal resolução de problemas comuns às empresas; proporcionar espaço para que os empresários possam proceder a uma avaliação de suas atividades e resultados, traçar planos, identificar necessidades que signifiquem melhorias para o setor; orientar a análise e divulgação de cursos técnicos, promoção de palestras, seminários, feiras e outras atividades que permitam o desenvolvimento profissional de todos nas organizações; formar um banco de dados de Recursos Humanos; formar um banco de dados de fornecedores (interatividade comercial) e identificar a necessidade nas áreas jurídica e contábil para a definição de orientações matrizes e de problemas comuns, principalmente para a pequena e média empresa.

Para esta etapa do Empreender, a Associação definiu cinco câmaras setoriais: Arranjo Produtivo Local; Centro Moda 18 de Maio; Componentes Têxteis; Construção Civil e Engenheiros e Arquitetos. Um comitê gestor foi formado para o gerenciamento do programa. Ele é composto por representantes da diretoria da Acic, coordenadores das câmaras setoriais e do Sebrae.

Nenhum comentário:

Postar um comentário