quinta-feira, 16 de julho de 2015

Ricardo Teobaldo “segura” a LDO e a votação poderá ficar para o mês de agosto


O projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2016, que tem como relator no Congresso o deputado pernambucano Ricardo Teobaldo (PTB), talvez não seja votado até o próximo sábado quando terá início o recesso parlamentar. A sua aprovação é pré-requisito previsto na Constituição para que o Congresso possa entrar em recesso.

Segundo a presidente da Comissão Mista de Orçamento, senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), disse hoje (16) que tentará fazer o “último esforço” para que o parecer do deputado pernambucano seja votado até amanhã. No entanto, segundo ela, o parecer não foi sequer divulgado por Teobaldo, até a noite da quarta-feira, e não há acordo de lideranças que ele seja votado até amanhã, podendo ficar para o mês de agosto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário