domingo, 17 de maio de 2015

Santa Cruz do Capibaribe realiza Audiência Pública sobre Resíduos Sólidos


A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Meio Ambiente realizou na manhã da ultima sexta-feira (15), a 1ª Audiência Pública sobre resíduos sólidos, coleta seletiva e educação ambiental.

Na audiência foram debatidas às práticas das ações de Educação Ambiental e da Coleta Seletiva de Lixo para finalizar o Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PGIRS), que visa a adequação do município às Políticas Nacional e Estadual de Resíduos Sólidos.


“Esse dia de hoje é um marco importante para o município e nossa gestão, pois estamos firmando um compromisso com o Ministério Público ao assinar o Termo de Compromisso Ambiental (TAC). A assinatura junto com o Ministério Público é mais um desafio que a nossa gestão assume, mas na certeza que vamos estar colaborando cada vez mais com o desenvolvimento de Santa Cruz do Capibaribe ”, pontuou o prefeito Edson Vieira.

A assistente administrativa Jessyca Mirelli, destacou a importância da educação ambiental para a sociedade. “A educação ambiental é um dever de todos e com um pouco de organização poderemos fazer a diferença. Ao separarmos nosso lixo como também não jogá-lo nas ruas, estamos contribuindo para uma cidade melhor. Essa audiência pública vai ser muito útil para os participantes, pois precisamos urgentemente de melhorar o lugar em que vivemos”.


“O tema ambiental é pauta mundial, e a gente precisa trazer essa pauta também para o nível municipal, nós sabemos que estamos em uma região muito povoada que vivem muitas pessoas produzindo e gerando lixo, e nós precisamos encontrar um destino correto para esses resíduos sólidos e minimizar o impacto ambiental ocasionado por eles. Saber destinar os seus resíduos sólidos é um grande desafio que o poder público precisa enfrentar e ele só conseguirá se a sociedade abraçar essa causa”, disse Bruno Bezerra, Secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Meio Ambiente.


Pablo Ricardo, gestor de Meio Ambiente falou da finalidade da Audiência Pública. “Essa audiência que realizamos é a primeira a ocorrer dessa natureza aqui em Santa Cruz, ela tem o objetivo de conclusão do Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, como também tem o dever de ouvir a população sobre coleta seletiva e educação ambiental”.

Pablo Ricardo também destacou que o próximo passo de sua gestão é conquistar para o município o ICMS Ambiental. 

“Vamos reunir a comissão de resíduos sólidos, formada por algumas entidades, faremos algumas modificações se necessário, posteriormente entregaremos o Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos a Câmara de Vereadores. Após aprovação, levaremos o plano ao Ministério Público, Tribunal de Contas e Secretária da Fazenda, visto que a nossa meta é que o município receba no ano que vem o ICMS Ambiental”.


Na oportunidade, representantes do CONIAPE – Consórcio Público Intermunicipal do Agreste Pernambucano e Fronteiras, falaram sobre o objetivo do consórcio que é ajudar os municípios associados em problemas na área de saúde através do Núcleo Intermunicipal de Saúde (NIS) e contribuir com as discussões dos resíduos sólidos, saneamento básico, implantação e gestão de iluminação pública.

Informações da Assessoria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário