sábado, 7 de março de 2015

Listão de Janot inclui Humberto Costa, Eduardo da Fonte, Pedro Corrêa, sua filha, e Roberto Teixeira



Acabou a espera e também o sigilo. Cinco políticos pernambucanos são listados na peça de acusação da Procuradoria Geral da República.

O gabinete do ministro Teori Zavascki, relator no STF da investigação sobre corrupção na Petrobras, começou a anunciar os nomes, depois de aceitar em despacho e acatar os pedidos do procurador-geral Rodrigo Janot.

Com a decisão, o STF autoriza a abertura de inquérito para investigar políticos suspeitos de participação no esquema de corrupção da Petrobras revelado pela Operação Lava Jato.

Entre os pernambucanos, foram citados os nomes do senador Humberto Costa e do deputado federal Eduardo da Fonte, do PP.

Também foi citado o nome do mensaleiro e ex-deputado federal Pedro Corrêa (PP-PE) e sua filha, Aline Corrêa, ex-deputada estadual pelo PP em São Paulo. O ex-deputado federal, neste momento, está preso em Canhotinho, no interior de Pernambuco, cumprindo pena de reclusão por conta do escândalo do Mensalão. O advogado dele, Marcelo Leal, disse aos sites nacionais que ainda não conversou com o cliente sobre o assunto e, portanto, não tem como se manifestar. O ex-deputado pernambucano Roberto Teixeira (do PP) também teve o nome envolvido no esquema.

Fonte: Blog do Jamildo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário