domingo, 8 de fevereiro de 2015

Vereador Professor Afrânio Marques presidiu segunda reunião do Legislativo de Santa Cruz do Capibaribe



A segunda reunião ordinária de 2015, dos vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, realizada na noite da ultima quinta-feira (5), foi marcada pelo clima de paz e tranquilidade entre os parlamentares. Na pauta, temas leves, projetos de leis apresentados e requerimentos aprovados.


Sob a presidência do Vereador Professor Afrânio Marques (PDT), que demonstra bastante desenvoltura a frente do legislativo, a reunião transcorreu dentro de um clima amistoso, onde os vereadores fizeram uso da tribuna, com discursos sem muita polêmica. Democrático, firme e cumpridor do regimento interno da Casa Dr. José Vieira de Araújo, o presidente Professor Afrânio Marques, tem cumprido um papel essencial no início do seu mandato a frente da Câmara de Vereadores.


O Vereador José Elias (PTB) classificou como ótimo o andamento dos trabalhos presididos pelo atual presidente. “Esta é a minha primeira vez que participo da reunião ordinária e tenho percebido que o presidente é democrático, procura ouvir a todos os vereadores da casa. Eu atribuo uma boa nota ao presidente e tenho certeza que fará um bom mandato”, destacou o vereador petebista.


Com mais de 30 anos de trabalhos prestados a Santa Cruz do Capibaribe, em seu discurso, o professor Afrânio levanta temas relevantes para o município, como por exemplo, a sua preocupação com a entrada dos produtos chineses na região. “Uma preocupação que venho levantando aqui desde outubro do ano passado, é a questão dos produtos chineses. Há 15 anos, o Sebrae levantava essa questão, no entanto hoje isso é uma realidade que está em nossas portas. Alerto isso não como um profeta do apocalipse mas como um vereador preocupado com nossa economia. É bem verdade que a importação poderia criar novos postos de trabalho, mas no começo dela, os efeitos são nefastos. Não tenho nada contra os comerciantes de Santa Cruz que compram produtos chineses,mas é necessário que nos preocupemos e discutamos essa questão que é de fundamental importância para todos os santacruzenses. Podemos dizer que essa ameaça que é irreversível vai aumentar”, alertou o vereador presidente.

Informações da Assessoria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário