domingo, 7 de dezembro de 2014


PERNAMBUCO APROVA ORÇAMENTO DE R$ 31,9 BI




A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) aprovou a lei Orçamentária Anual (LOA) para o exercício de 2015. A partir do dia 1 de janeiro, o governador eleito Paulo Câmara (PSB) irá gerir um orçamento da ordem de R$ 31,9 bilhões. Segundo o documento, que deverá ser sancionado pelo governador João Lyra Neto (PSB) nesta sexta-feira (5), as áreas de saúde, educação e segurança serão as que mais receberão recursos.



O setor de saúde deverá receber, conforme a LOA, recursos que somam R$ 5,1 bilhões. Logo em seguida aparece a área de Educação, com repasses de R$ 3,6 bilhões, e segurança, que deverá receber R$ 2,6 bilhões. O montante previsto para a área de transportes e mobilidade é de R$ 875,6 milhões. O setor de saneamento foi contemplado com R$ 384,1 milhões e a área de habitação receberá, segundo a LOA, outros R$ 228,2 milhões.


A LOA recebeu ao todo 501 emendas parlamentares, sendo que apenas duas, de autorias dos deputados estaduais Teresa leitão e Sérgio leite, ambos do PT, foram rejeitadas. As emendas previam o repasse de R$ 2 milhões, cada, da verba de publicidade oficial para a TV Pernambuco.

Apesar de aprovada por unanimidade, a oposição tem feito uma série críticas e relação a diminuição dos repasses em algumas áreas, como educação, por exemplo, que teria sofrido uma redução de R$ 45 milhões em relação a este exercício.
Fonte: Pernambuco 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário