quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

ABREU E LIMA CONCLUI A 1ª VENDA DE ÓLEO DIESEL



A Petrobras realizou, nesta quarta-feira (17), a primeira venda de diesel da Refinaria Abreu e Lima (Rnest), para a Petrobras Distribuidora. Foram vendidos 1,6 mil metros cúbicos do volume disponibilizado para o mercado local, que é de 13 mil metros cúbicos. O diesel comercializado é o S-500, com teor de enxofre de 500 partes por milhão. Orçado em US$ 18 bilhões, o empreendimento, localizado no Complexo Portuário Industrial de Suape, no Grande Recife, entrou em operação no mês passado e, quando estiver totalmente concluído, no primeiro semestre de 2015, produzirá 230 mil barris de petróleo por dia.

A unidade tem como principal objetivo é gerar 26 mil metros cúbicos óleo diesel, para completar a oferta do produto no mercado brasileiro. A produção da primeira carga especificada na refinaria ocorreu na segunda (15), o que, de acordo com nota da Petrobras, "representa que o derivado encontra-se na qualidade estabelecida pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para comercialização".

O processamento da primeira carga de petróleo na Unidade de Destilação Atmosférica (UDA) da refinaria ocorreu início do mês e gerou nafta, gás liquefeito de petróleo (GLP), diesel e resíduo atmosférico (RAT).

Em relação às etapas de refino, o óleo bruto passa por um processo de destilação, quando há a separação dos derivados. O petróleo é aquecido em altas temperaturas até evaporar. Posteriormente, ao ser resfriado, o vapor volta ao estado líquido em diferentes níveis, determinando qual subproduto do petróleo será produzido.

Na segunda etapa, que é a conversão, ocorre a transformação das partes de menor valor e mais pesadas do petróleo em moléculas menores, permitindo o aproveitamento da matéria-prima, dando origem a derivados, como GLP, diesel e gás de cozinha, de melhor qualidade e mais leves.



A última etapa do refino é o tratamento, quando os derivados são adequados, por meio de reações químicas, à qualidade exigida pelo mercado, uma das exigências é terem apenas uma pequena quantidade de enxofre.
Pernambuco 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário