sexta-feira, 28 de novembro de 2014


Mais uma vez nos tribunais, Deputado federal José Augusto Maia pode sofrer mais uma derrota na justiça

Foto: Internet

Acompanhando processos de políticos de Santa Cruz do Capibaribe, a equipe do É Noticia apurou nos últimos dias que mais um processo de Ação Cível de Improbidade Administrativa poderá ser julgado nos próximos dias, trata-se do processo nº 0000875-43.2009.8.17.1250.

O fato é que o Dr. Luiz Célio de Sá Leite, Juiz de Direito responsável pela Segunda Vara Cível de Santa Cruz do Capibaribe, determinou que fossem apresentadas as alegações finais pelos acusados na Ação Cível de Improbidade Administrativa que ficou conhecido como o escândalo do lixo, processo onde o Deputado Federal Zé Augusto é acusado de improbidade junto com sete servidores públicos da prefeitura à época em que o deputado foi prefeito de Santa Cruz.

A denúncia foi feita pelo Ministério Público em 2009, inclusive foi motivo de Auditoria Especial pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, e resultou também em uma ação penal que tramita no Superior Tribunal Federal.

Se condenado nessa ação cível de improbidade administrativa, o Deputado Federal José Augusto Maia poderá ter a suspensão de seus direitos políticos num período de 3 a 10 anos, além de multa, podendo ainda ficar inelegível com base na lei do ficha limpa por um prazo de oito anos quando terminar de cumprir a pena imposta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário